Quer ter mais sucesso no envio das suas Newsletters?

Envio das suas newsletters
Envio das suas newsletters

12 Outubro 2020 | Marketing

12 Outubro 2020 | Marketing

O e-mail marketing consiste na utilização do e-mail como ferramenta de marketing. São várias as vantagens que o seu ginásio pode obter com e-mail marketing:

• Envolvimento do consumidor com a marca;
• Criar uma relação próxima com a marca;
• Relembrar os clientes sobre produtos ou serviços;
• Apresentar novidades;
• Encorajar a resposta imediata;
• Enviar mensagens para públicos diferentes (segmentação);
• Medir os resultados.

Para que a sua estratégia de e-mail marketing tenha sucesso, deve entregar SEMPRE ao leitor conteúdo que lhe traga proveitos. De alguma forma o conteúdo que entrega deve resultar num benefício ou vantagem para quem o lê. Ou seja os clientes gostam de receber newsletters se estas trouxerem valor acrescido.

Para que isso aconteça, tenha em atenção os seguintes pontos. Os mesmos são essenciais para o sucesso das suas campanhas de e-mail marketing:

1. Assunto 

Ao longo do dia é natural que as pessoas recebam uma quantidade considerável de e-mails. Muitas das vezes verificam a caixa de e-mail numa fracção de segundo, por isso deve haver algo que desperte a atenção. Para que a sua newsletter não seja apenas “mais uma” no meio dos restantes e-mails, há duas linhas que precisa de considerar: em primeiro lugar o “Assunto”, e em segundo lugar o “Preview”, sendo este último aquela linha que está presente na caixa de entrada logo a seguir ao Assunto.

O “Assunto” é absolutamente crucial na tomada de decisão em abrir um e-mail ou não. É através do mesmo que se capta a atenção do subscritor. Deve ser claro, direto, suscitar a curiosidade e “convidar” a clicar e a ler. Deve ao mesmo tempo ser conciso, informativo e comunicar o benefício de ler o restante conteúdo.


2. Conteúdo em HTML

Quando o conteúdo do e-mail consiste apenas em imagens, isso pode afetar a visibilidade das mensagens. É muito importante que, no conteúdo do e-mail, a maioria das palavras estejam em HTML. Ou seja, escreva a newsletter com as opções de edição e formatação do programa de e-mail marketing que utiliza, acrescentando as imagens que forem necessárias.


3. Call to Action 

Os CTA são normalmente utilizados no formato de botão, de acordo com o resultado desejado para a newsletter específica: downloads, visitas, vendas, etc. Alguns exemplos mais comuns são “ver mais”, “peça mais informação”, “saiba mais”, “conheça as vantagens deste produto”, “comece agora”, entre outros. Um ou dois CTA são geralmente o ideal. Demasiados CTA podem tornar a mensagem “ruidosa” e enfadar o leitor.


4. Link para o browser

Este link aparece normalmente no topo do e-mail e permite abrir o mesmo no browser pré-definido. Apesar de parecer uma insignificância, grande parte dos subscritores clicam neste botão. Se ainda não o fez, acrescente à próxima newsletter.


5. Segmentação

A base de dados é constituída por pessoas com gostos, comportamentos, idades, hábitos, profissões, horários e interesses diferentes. É necessário diferenciar os contatos e agrupar os mesmos por categorias, enviando as mensagens adequadas a cada um desses grupos.

Quanto mais segmentada for a sua lista de contactos, maior a probabilidade de sucesso.

Como fazer a segmentação? Depende dos objetivos da campanha e da identificação do segmento que está interessado no seu produto ou serviço. Imagine por exemplo que parte da sua lista de contatos tem interesse em aulas de natação, mas não tem interesse em aulas de musculação. Será que faz sentido enviar para os amantes da musculação uma newsletter sobre promoções nas aulas de natação? Ou será que os amantes da natação têm interesse num plano de treino de hipertrofia?

Com base nos objetivos que pretende atingir (inscrições, vendas, informação, etc.) precisa de segmentar, para que a mensagem certa chegue à pessoa interessada naquele conteúdo específico.


6. Análise dos resultados 

Aponte na sua agenda um dia da semana/mês para fazer a análise de desempenho das newsletters. Este controlo é essencial para optimizar campanhas futuras, melhorar os conteúdos e criar conteúdos mais apelativos.

Estes são alguns dos dados que deve verificar:

• Emails entregues;
• Taxa de abertura;
• Taxa de cliques;
• Bounce rate;
• Tempo médio de abertura;
• Taxa de cliques por abertura.

 

Acabe com o papel no seu Ginásio! Form Check OnVirtualGym

Inove o seu modo de Reservas! Form Check OnVirtualGym

Otimize a produtividade da sua Equipa! Form Check OnVirtualGym

Simplifique o Acompanhamento Nutricional! Form Check OnVirtualGym

Aumente a Taxa de Retenção! Form Check OnVirtualGym

Form Check OnVirtualGym Acabe com o papel no seu Ginásio!

Form Check OnVirtualGym Inove o seu modo de Reservas!

Form Check OnVirtualGym Otimize a produtividade da sua Equipa!

Form Check OnVirtualGym Simplifique o Acompanhamento Nutricional!

Form Check OnVirtualGym Aumente a Taxa de Retenção!

Form Check OnVirtualGym Acabe com o papel no seu Ginásio!

Form Check OnVirtualGym Inove o seu modo de Reservas!

Form Check OnVirtualGym Otimize a produtividade da sua Equipa!

Form Check OnVirtualGym Simplifique o Acompanhamento Nutricional!

Form Check OnVirtualGym Aumente a Taxa de Retenção!

Conclusão

Por fim tenha em consideração que a sua estratégia de marketing deve ser sustentada por conteúdos úteis, apelativos e consistentes. Leia o nosso artigo sobre como criar textos de venda para atrair mais clientes.